Vale a pena andar de gôndola em Veneza?

Eu nunca fui a pessoa mais romântica deste mundo. E sim, admito ser um pouco crítica em relação aos clichês. Mas a vida me trouxe a Veneza, uma das cidades mais românticas do mundo e eu tive que rever meus conceitos e responder de forma diferente à pergunta: vale a pena andar de gôndola em Veneza?

A primeira vez que pisei em Veneza era um dia muito frio, ainda mais pra mim recém chegada a Europa aos 22 anos. O sonho de ver o Carnaval de Veneza estava mais para pesadelo. Frio, chuva, aquelas calles estreitas e entupidas de gente. Demorou muito para voltar e fazer as pazes com a cidade. Mais ainda para fazer meu primeiro passeio de gôndola. Foi com meu amigo Marcos que havia prometido o passeio à mãe e como eu estava junto, acabei entrando. E adorei!

andar de gôndola

Antigamente, a gôndola era utilizada no passado exclusivamente para o transporte dos venezianos. As pontes não eram numerosas como hoje e este era o único modo de atravessar a cidade.  Hoje em dia, ela é utilizada quase que exclusivamente para os passeios turísticos. Com exceção da gôndola traghetto, que atravessa alguns canais em pontos específicos da cidade. Em 1580, circulavam por Veneza 10.000 embarcações, hoje, são cerca de 500.

Para saber mais detalhes sobre a história da gôndola em Veneza, clique aqui 

Minha primeira vez
Minha primeira vez

Passear de gôndola custa caro. O preço para um passeio de 30 minutos é 80 euros. A partir das 19 horas a tarifa sobe para 100 euros. A gôndola comporta até 6 pessoas, mas geralmente o que a gente mais vê são casais.

andar de gôndola vale veneza

gondola vale a pena

Mas a pergunta do início do post: Vale mesmo a pena andar de gôndola? Vale. Mesmo para quem, como eu, não se acha a pessoa mais romântica do mundo. O motivo é simples: somente com a gôndola você consegue “tocar” certos ângulos de Veneza que eu ouso dizer que são os mais belos.

O percurso da gôndola varia de acordo com o local onde você aborda o gondoleiro. Você pode perguntar por onde ele passa, mas o mais importante é que você peça para ele incluir no percurso os canais menores (canali minori). Dentro destes canais você irá ver uma Veneza onde só a gôndola te leva, porque não existe outro meio de chegar.

andar de gondola em veneza

As fachadas dos palácios, as hortas e jardins secretos, as casas de personagens famosos e um silêncio que só é quebrado com o sinal sonoro que o gondoleiro faz para avisar ao outro que vai passar, ou seja, a buzina deles. Nem preciso dizer que para os mais românticos, é pura poesia, um momento para admirar este lugar único e se surpreender com a ideia quase que improvável de uma cidade construída sobre as águas.

andar gondola veneza

Procurando hotel em Veneza? Clique aqui

 

 

19 comments
Previous Post
Next Post