Praça São Marcos em Veneza – o que ver

Veneza é uma cidade dispersiva, não só por causa de sua geografia peculiar mas também pela infinidade de atrações e beleza única que atraem o olhar. Não existe lugar algum no mundo comparável a Veneza. Vejo que muitas pessoas acabam levando pouco da cidade ou porque se perdem em meio a tanta coisa, ou porque separam poucos dias do roteiro para explorá-la.

praça são marcos em veneza

Se você não estiver acompanhado de uma guia ou tiver se informado antes do passeio, certamente irá perder detalhes incríveis da viagem. Por isso hoje resolvi falar brevemente da Praça São Marcos, o pedacinho mais famoso da cidade.

Enquanto a zona de Rialto era o coração comercial de Veneza, a praça São Marcos era o centro do poder político e religioso. A imponente basílica começou a ser construída no ano 826, quando o corpo de São Marcos chegou à cidade, vindo da Alexandria. Como o comércio entre oriente e o ocidente era realizado por Veneza, muitos elementos da igreja foram trazidos da antiga Constantinopla, saqueados no período das cruzadas.

Detalhes do Palazzo Ducale
Detalhes do Palazzo Ducale

Curiosa é a história dos cavalos que decoram a basílica. Provenientes da Alexandria, chegaram em Veneza em 1204, mas com a tomada da cidade por Napoleão em 1797, foram levados a Paris. Finalmente, em 1815 voltaram para o povo veneziano. Hoje estão no museu da basílica, mas as cópias fiéis podem ser vistas na fachada da basílica.

basílica de são marcos veneza

Outra história bacana é a do campanário ao lado da igreja. Antigamente os vendedores de vinho montavam suas barracas de acordo com a sombra do campanário e durante o dia se moviam para que os garrafões ficassem sempre frescos. Deste hábito surgiu a expressão: “ombra di vin” que quer dizer sombra de vinho. O veneziano para dizer “vamos tomar um vinho” diz “vamos tomar uma ombra”.

o que ver em veneza

Um detalhe interessante que chama a atenção mas pode passar batido na Praça São Marcos se não se conhece a história é a torre do relógio. Bem ao lado da basílica, existe um relógio inaugurado em 1499 que marca a hora, o dia, as fases da lua e os signos do zodíaco. Em cima do relógio, as estátuas em bronze de dois homens, conhecidos como i mori di Venezia. São eles que por meio de um mecanismo se movem e batem os sinos do relógio. Reparem que um moro tem barba e aparência mais velha e o outro é mais jovem. Eles representam o passado e o futuro. O moro velho bate o sino dois minutos antes da hora certa e o moro jovem dois minutos depois. É genial!

Muita gente não conhece a história dos sinos do relógio dos mori de Veneza. Se estiver pelas bandas da praça em hora certa, não deixe de reparar
Muita gente não conhece a história dos sinos do relógio dos mori de Veneza. Se estiver pelas bandas da praça em hora certa, não deixe de reparar

relógio de veneza

Chamam a atenção também as duas colunas que ficam entre o campanário e o Palazzo Ducale. Em uma das colunas está o Leão de São Marcos, símbolo da cidade de Veneza. Na outra coluna é representado San Teodoro com armadura de guerreiro sobre um grande crocodilo, ele foi o primeiro patrono da cidade, antes que chegassem os restos mortais de São Marcos.

São Marcos e São Teodoro representados nas colunas
São Marcos e São Teodoro representados nas colunas

Um cantinho curioso fica ao lado esquerdo da basílica, a Piazzetta dei Leoncini, ou Praça dos Leõezinhos. A gente quase não repara nesta pracinha tamanha a confusão de turistas querendo tirar fotos com os leões em mármore vermelho. As crianças adoram montar nos leões para serem fotografadas.

praça leões em veneza

Não se pode falar em Praça São Marcos sem se lembrar de seus cafés históricos. O mais famoso, Caffè Florian, foi inaugurado em 1720 e é o café mais antigo de toda Itália. Só para citar alguns de seus ilustres frequentadores: Giacomo Casanova, Lord Byron, Carlo Goldoni, Charles Dickens, Rousseau e Goethe. O Florian sobrevive com aquele charme e glória dos tempos antigos. Os preços são altíssimos (o café chega a custar 24 euros), mas quem não está afim de gastar essa cifra, vale a pena passar em frente e pelo menos espiar os salões internos. Coisa de louco.

café florian em veneza

 

Este casal entrou na onda e começou a dançar uma valsa no meio da praça... tão lindo...
Este casal entrou na onda e começou a dançar uma valsa no meio da praça… tão lindo…

 

 

 

Procurando hotel em Veneza? Clique aqui
4 comments
Previous Post
Next Post