Os estranhos endereços e nomes de ruas de Veneza

Quem já caminhou por Veneza sabe o quanto labiríntica é a cidade. Encontrar algum lugar com um endereço na mão pode ser um desafio. Paciência, preparo e organização podem ajudar. Perguntar no hotel reservado a melhor maneira de chegar, por exemplo é de grande ajuda. O desenho urbano da cidade segue uma nomenclatura muito singular. Mas como desvendar os estranhos endereços e nomes de ruas de Veneza? Eu fiz uma listinha explicando um por um e no final do post, explico melhor como se locomover na cidade.

Sestiere

são os bairros de Veneza. Os sestieri são 6: San Marco, San Polo, Santa Croce, Dorsoduro, Cannaregio, Castello. Você irá encontrar muitas placas que marcam o início e o fim de um sestiere. Para te ajudar, eu escrevi um mini guia de Veneza bairro a bairro.

Calle

são as ruas e vielas da cidade. Se é bem estreitinha pode ser chamada calletta e se é mais larga pode se chamar calle larga. Em Veneza, existem pouquíssimas ruas chamadas em modo diferente. Uma delas é a Strada Nuova, uma rua bem larga para os padrões da cidade, que liga a estação de trem à zona de Rialto. No bairro de Castello existe a única rua chamada “via”, a Via Garibaldi.

Canale

são os canais da cidade. O mais importante é o Canal Grande que mede 4,2 quilômetros e cruza a cidade

Campo

O Campo San Tomà

qualquer praça de Veneza se chama campo. Quando é bem pequenina é um campiello. A única praça da cidade é a Praça São Marcos, todas as outras são chamadas Campo. Geralmente cada campo tem um poço, que era de onde antigamente os venezianos tiravam a água potável. Alguns deles possuem detalhes lindíssimos.

Leia mais: como andar de trem na Itália

Fondamenta

Fondamenta dei Vetrai, em Murano

são as ruas localizadas à beira de um canal

Riva

são as ruas localizadas à beira do Canal Grande, onde é possível a passagem dos pedestres

Rio

um canal bem pequeno

Rio terá

uma rua construída em cima de um canal aterrado

Sotoportego

uma passagem debaixo de alguma construção ou pórtico

Ramo

uma rua lateral bem curtinha,  geralmente fechada, como uma rua sem saída

Corte

uma espécie de pequena pracinha fechada onde existem várias casas, como um pequeníssimo condomínio

Salizada

com esse nome se indicava uma rua importante pavimentada com material diferente

Piscina

área cercada de edifícios onde antigamente existia muita água e sucessivamente foi aterrada

Procurando hotel em Veneza? Clique aqui

Como encontrar um endereço em Veneza?

Os endereços em Veneza são um pouco confusos. Geralmente não são constituídos, como em outras cidades do nome da rua e o número. Eu morei em Brasília e quando me mudei pra lá, me sentia completamente perdida com todas aquelas siglas. Depois de um tempo me acostumei e entendi. Veneza é um pouco pior.

A maioria dos endereços das habitações são constituídos pelo nome do bairro seguido por um número. A agência central dos correios em Veneza fica bem atrás da Praça São Marco, em uma rua que se chama Calle Larga dell’Ascensione, mas o endereço correto é San Marco, 1241, ou seja, nome do bairro + número do edifício.

E se eu me perder?

As famosas placas. Fique atento pois elas podem te ajudar muito a encontrar o caminho certo

Perder-se em Veneza é um clássico. Certamente você não será o único. Existem, porém, três pontos principais da cidade muito bem sinalizados: Praça São Marcos, Rialto e Ferrovia. Existem placas por todos os cantos indicando os caminhos para se chegar nestes lugares. Os itinerários são muitos e diferentes. Mas não tenha medo de se perder, vale a pena descobrir a cidade assim.

Se não conseguir usar o mapa, pergunte gentilmente para alguém ou recorra a algum bar, loja ou estabelecimento. As pessoas estão acostumadas a lidar com os turistas, mesmo que algumas delas sejam um pouco menos abertas.

Qual o melhor modo de se locomover em Veneza?

Os dois únicos modos de se locomover em Veneza são a pé ou de barco. Eu gosto muito de caminhar a pé, pois me dá a possibilidade de viver melhor a cidade e admirar seus espaços. Pode ser cansativo andar a pé. A alternativa são barcos destinados ao transporte público, o famoso vaporetto. Neste post eu explico como pegar e os custos deste barco.

Outra alternativa são os táxis barco, que têm uma tarifa bem alta e a gôndola traghetto, que faz pequenas travessias entre um lado e outro do canal em alguns pontos da cidade. O trajeto dura poucos minutos, mas pode economizar uma longa caminhada para chegar até a outra parte. O custo é de 2 euros. A gôndola traghetto está posicionada em alguns pontos estratégicos da cidade, entre eles, o Mercado do Peixe de São Marcos.

Leia mais: logística em Veneza, dicas para se locomover na cidade

 

12 comments
Previous Post
Next Post