Mercado de Rialto, em Veneza

Veneza é considerada uma das cidades mais românticas do mundo. Quem nunca sonhou em passear de gôndola com a pessoa amada pelos canais da cidade? Ou se perder nas calles que mais parecem um labirinto? A primeiro impacto todo mundo fica boquiaberto com as belezas, com a arquitetura e com a forma inusitada da cidade e uma coisa é certa, é difícil se orientar com tanta coisa linda pra ver e conhecer.

 

Mercado de Rialto

O Mercado de Rialto é uma etapa obrigatória para quem quer conhecer um pouco da história dos costumes e da gastronomia de Veneza. Era lá que aconteciam os encontros e as trocas comerciais desde a antiguidade, visto a forte relação cultural e política entre Veneza e o Império Bizantino.

Mercado Rialto Veneza

No século X  já existia o comércio de sal em Rialto e muitos eram os produtos que chegavam do oriente no porto veneziano: especiarias como noz moscada, açafrão, incenso, gengibre, canela, cravo e a mais importante, a pimenta, considerada o ouro negro da época.  Para se ter uma ideia da importância desse comércio, em Campo San Giacomo funcionava uma espécie de bolsa de valores das especiarias onde era decidido o preço que deveria ser aplicado em toda a Europa.

canalgrande

Mercado Rialto

O Mercado de Rialto hoje é dividido em duas partes: mercado do peixe e mercado de fruta e verdura. Muitos produtos são exclusivos e típicos da região de Veneza, como “schie”, que são pequenos camarões da Laguna de Veneza e o “castraure”, que é uma alcachofra de cor violeta que só se encontra na ilha de Sant’Erasmo. Ainda é possível ver na zona de Rialto onde funcionavam a “Naranzeria” e a “Erbaria”, partes do mercado onde existia a venda das frutas cítricas e das ervas.

Rialto Veneza

O mercado do peixe funciona de terça a sábado, das 7h30 às 12h e o mercado de fruta e verdura abre de segunda a sábado, das 7h30 às 13h30.

Confira também nosso Mini-guia Veneza bairro a bairro

 

Procurando hotel em Veneza? Clique aqui
12 comments
Previous Post
Next Post