Hotel e restaurantes em Budapeste – preços e endereços

Budapeste é uma cidade mais econômica, em respeito às outras capitais europeias. A moeda é o florim húngaro. 1 euro são aproximadamente 300 florins. Para ajudar quem está programando uma visita à cidade, ou mesmo para quem tem curiosidade de saber, vou escrever sobre o hotel em que nos hospedamos e mostrar os restaurantes onde comemos.

Budapeste é uma das cidades mais seguras da Europa, mas vale ficar ligado. Fique esperto em restaurantes. Fomos advertidos no hotel que alguns deles são muito sacanas e na hora de você pagar, te enrolam no câmbio forints/euro. No folder da polícia que peguei no hotel dizia a mesma coisa.

A cidade oferece uma infinidade de bares e restaurantes e contempla a culinária do mundo inteiro. Mas já que estamos na Hungria, vamos prestigiar os pratos da casa, vero? Bom, o prato mais conhecido, sem dúvidas é o goulash, uma sopa com carne, vegetais e páprica, o tempero mais utilizado pelos húngaros, mas você vai encontrar também muita carne, salame, arroz e até massa.

Restaurantes em Budapeste – minhas dicas

Fatál Étterem

Apesar de ser um restaurante voltado para turistas (o que eu geralmente não gosto), eles servem uma comida húngara maravilhosa. Eu não como carne e pedi um prato a base de cogumelos e nokedli, que é tipo um nhoque feito por eles. O Fatál fica na Váci Utca, uma das ruas mais famosas do centro. O preço é bem mais alto que os outros restaurantes: dois pratos com bebida pagamos aproximadamente 30 euros (já vou passar os preços convertidos em euro, fica mais fácil)

Os pratos são muito fartos e servidos nessa espécie de panela/frigideira. É um molho de cogumelos com páprica e o tal nokedli, que parece um nhoque
Os pratos são muito fartos e servidos nessa espécie de panela/frigideira. É um molho de cogumelos com páprica e o tal nokedli, que parece um nhoque

Hachapuri

É um restaurante moderninho de comida georgiana. Sim, da Geórgia, país que faz fronteira entre a Europa e a Ásia. Então a comida é meio fusion, mas sem frescura. Você pede, senta numa das mesas e depois eles te chamam. Fica no início Andrássy, a tal da Champs-Elysée de Budapeste. Pagamos em uma porção de hinkali e uma água mineral aproximadamente 4,50 euros. Afinal, era só um lanchinho.

onde comer em budapeste

 

A gente parou só para fazer uma boquinha e comemos uma porção de Hinkali Mushroom, que são tipo momo tibetano ou gyosa...
A gente parou só para fazer uma boquinha e comemos uma porção de Hinkali Mushroom, que são tipo momo tibetano ou gyosa…

Duran Szendivcs

Foi um achado esse. É um fast food, mas de canapés!! Já viu isso? Eu fiquei encantada com a vitrine cheia de canapezinhos com todo tipo de recheio imaginável. Não resisti. É ótimo para forrar o estômago se você não quer parar para almoçar. A gente comeu 7 canapés (gula!!!) e pagamos 7 euros. Um euro a canapé, minha gente! A lojinha possui vários endereços na cidade.

Caviar, salmão, maionese, ovas de peixe,páprica, cebola, tomate, salaminho, roastbeef, cogumelos... é uma infinidade de opções
Caviar, salmão, maionese, ovas de peixe,páprica, cebola, tomate, salaminho, roastbeef, cogumelos… é uma infinidade de opções

onde comer budapeste

 

Vitrine linda!
Vitrine linda!

Toldi Étkezde

A gente adora um restaurante bem típico e rústico e este superou as nossas expectativas. Fica na parte de Buda, na Batthyáni utca, demoramos um pouco a encontrar, mas confiamos no guia (livro) que dizia que era um lugar muito tradicional com preços módicos. Para quem gosta de mergulhar na cultura local e observar as húngaros é o lugar certo. Na mesa do lado almoçava um operário. A decoração é simples, típica e bem acolhedora. Foi o restaurante que eu mais gostei. Pagamos cerca de 15 euros por dois pratos, duas entradas e duas cervejas. Não tinha espaço pra sobremesa. Hehe

restaurante em budapeste

 

O famoso goulash. É óbvio que a gente iria escolher o restaurante mais típico para experimentá-lo
O famoso goulash. É óbvio que a gente iria escolher o restaurante mais típico para experimentar
Verdura frita (cogumelos e berinjela) com arroz e molho tártaro
Verdura frita (cogumelos e berinjela) com arroz e molho tártaro

Kisharang Étkezde

Mais um restaurante bem típico e local para a lista. Frequentado pelos budapestinos, oferece pratos muito fartos (prato de caminhoneiro mesmo), muito bem feitos e gostosos. O serviço é muito bom e rápido. A única coisa é que eles não vendem cerveja, mas você pode comprar no bar ao lado que depois o garçom mesmo devolve o copo. Fica perto do Parlamento. O endereço é: Oktober 6 utca, 17. Pagamos pelos dois pratos 9 euros.

restaurantes em budapeste

 

O restaurante é bem pequeno, mas se você não encontrar uma mesa, pode sentar no balcão
O restaurante é bem pequeno, mas se você não encontrar uma mesa, pode sentar no balcão

restaurantes dicas budapeste

Para quem quiser comer muito bem, pagar pouco em um ambiente mais moderno e sofisticado, eu recomendo o restaurante Ruben Étterem, na Magyar utca, 12. Não fiz fotos, mas a comida é muito boa e o preço é ótimo, mas eu prefiro os restaurantes típicos também na decoração e na identidade.

Mercado Central

No andar de cima do mercado central, existe uma parte com lanchonetes de comidas típicas. É um lance bem street food, acho que vale a pena demais experimentar as iguarias.

mercado de budapeste

 

mercado central budapeste

Cafés e salas de chá

Budapeste é famosa também por seus cafés e salas de chá, frequentados desde o século XIX. Alguns deles conservam ainda a atmosfera do passado na decoração, nos objetos e também no clima do local. Recomendo:

Múvész Kávéház

Fica na Andrássy utca. A decoração é a testemunha da Belle Epoque. Lampadários, espelhos e motivos dourados. As tortas são maravilhosas!

café em budapeste

cafés em budapeste

Párizsi Nagyárúház (Café Alexandra)

Na mesma Andrássy utca, é um esplêndido edifício estilo art deco que ficou anos abandonado e hoje virou uma livraria. No último andar, existe uma sala de baile, hoje, transformada em sala de chá com uma decoração suntuosa de tirar o fôlego. Se você conseguir ir a uma só cafeteria em Budapeste, privilegie esta. Ali também comi uma torta maravilhosa.

café alexandra budapeste

café alexandra em budapeste

café alexandra budapest

Kerts ou ruin pubs

Os kerts são bares frequentados pela turma jovem de Budapeste. São conhecidos também como ruin pubs, construções abandonadas ou antigas transformadas em bar, com uma decoração bizarra feita por objetos velhos, cacarecos e quinquilharias. É muito legal. Vale a pena visitar pelo menos um. Nós fomos ao Csendes Bar, na Ferency István utca,7. Cada noite é uma programação diversa, na noite em que fomos o som era feito por uma DJ que tocava acid jazz e funk break. Ótima opção para tomar uma cerveja antes de sair pra jantar.

ruin pub em budapest

 

A decoração do Csendes é muito bizarra. As paredes coloridas, cheias de desenhos disformes, manequins pelas paredes, bonecos dependurados. A porta azul com as Barbies descabeladas é o banheiro feminino. No masculino, o Ken.
A decoração do Csendes é muito bizarra. As paredes coloridas, cheias de desenhos disformes, manequins pelas paredes, bonecos dependurados. A porta azul com as Barbies descabeladas é o banheiro feminino. No masculino, o Ken.

Hotel

Recomendo demais o Cosmo Hotel. Um três estrelas bonito, limpo, localizado na rua central Váci Ucta. O staff é muito atencioso e o quarto é bem grande para os padrões europeus. Pagamos pelas 4 noites 156 euros, ou seja menos de 40 euros a diária. A tarifa ainda dava direito a transfer gratuito do aeroporto (levamos 30 minutos até o centro), café da manhã e ainda uma garrafa de vinho húngaro.

dica hotel budapeste

hotel budapeste

Se você perdeu os posts anteriores sobre Budapeste com outras dicas, clique aqui e aqui.

8 comments
Previous Post
Next Post