Comer barato em Veneza

Todo mundo sabe que Veneza não é uma cidade muito econômica. Muita gente me pede dicas de lugares onde comer bem gastando pouco. Não é muito fácil. Existem vários tipos de restaurantes em Veneza. Uns são ótimos, mas custam uma fortuna, outros são pra enganar turista, com péssima comida e nem por isso custam pouco. E tem outro problema: quanto mais perto você vai chegando de Rialto e Praça San Marco, aumentam as chances de cair em uma roubada.

Já falei em um post sobre as osterias venezianas, uma ótima opção para experimentar um tira-gosto típico a um preço bem legal. Hoje vou dar a dica de um lugar centralíssimo onde você vai encontrar  boa comida gastando uma cifra bem honesta. Já vou avisando: não é bem um restaurante, é uma rosticceria. A rosticceria aqui na Itália é um lugar onde você pode comprar a comida para levar para casa ou, em alguns casos, optar por comer por lá mesmo.

onde comer veneza

Frito de peixe: uma misturinha de vários tipos de frutos do mar e peixe, prato típico de Veneza
Frito de peixe: uma misturinha de vários tipos de frutos do mar e peixe, prato típico de Veneza

A Rosticceria Gislon fica bem atrás do Campo San Bartolomeo, o mais central e conhecido de Veneza. É ali que os venezianos marcam seus encontros, bem embaixo da estátua de Carlo Goldoni, a dois passos de Rialto. O local é simples e tem uma alta rotatividade. Se você procura um restaurante para se sentar com calma, este não é o lugar. É ideal porém para uma refeição rápida. A coisa boa é que é super frequentado pelos locais e, se passa pelo crivo dos venezianos, significa que a comida é realmente de qualidade.

Na vitrine, vários pratos para fazer a "quentinha" para levar pra casa
Na vitrine, vários pratos para fazer a “quentinha” para levar pra casa

O Gislon é famoso pelos salgados e tira-gostos, em especial a “mozzarella in carrozza”, fatias de pão de fôrma com recheio de muçarela (e outras variantes), passadas no ovo e fritas. Enfim, uma bomba calórica que você não pode deixar de experimentar. Outras opções são a “oliva ascolana”, um salgadinho com azeitona e carne e o “arancino”, uma espécie de salgado em forma de coxinha feito com arroz, carne e molho de tomate.

Mozzarella in carrozza, a bomba calórica que você não pode deixar de experimentar
Mozzarella in carrozza, a bomba calórica que você não pode deixar de experimentar

Mas se você quiser fazer uma refeição “vera e própria”, o Gislon oferece vários pratos: lasanha, massa, peixe, sopa, nhoque, risotto, salada, carne, tem um pouco de tudo. No andar de baixo as mesas são poucas, mas eles ainda têm um salão no segundo andar.

Lasanha, nhoque e outras massas
Lasanha, nhoque e outras massas

restaurante em veneza

Nós optamos pelo “fritto di pesce misto”, frutos do mar e peixe frito com um pedaço delicioso de polenta, que o simpático e cordial garçom prontamente nos preparou. A vantagem dos restaurantes de alta rotatividade é que a comida é sempre fresquinha. Estava ótimo. Pelos dois pratos, uma cerveja e água mineral pagamos 31 euros.

comendo barato em veneza

À primeira vista, o Gislon pode até parecer um local “engana turista”, mas pode confiar, não é. Pela quantidade de pratos típicos servidos e pelo número de venezianos que vi por lá indo buscar a “quentinha” de baccalà mantecato, peixe e salada de polvo, o Gislon é uma experiência ótima para quem quer conhecer a típica culinária da laguna.

quanto custa comer em veneza

Tirei uma foto da uma das listas com os preços para vocês verem. Um prato de massa vai sair pelo no máximo 8,50 euros. Coisa impossível em Veneza. O que falar dos tira-gostos? Precinho campeão que varia de 1 a 3 euros. Vale ou não vale a pena?

O Gislon fica na Calle della Bissa, no sestieri San Marco. O ponto de referência é o campo San Bartolomeo e a estátua de Goldoni. Chegando ali, procure a calle della Bissa, é uma ruazinha bem estreita no lado oposto à Ponte de Rialto.

 

 

12 comments
Previous Post
Next Post