Escrito por {autor}

Receita com aspargos

A cozinha aqui na Itália é muito baseada nos produtos de cada estação. O lado ruim é que as melhores frutas como pêssego, cereja, damasco, melão, morango e melancia começam a aparecer em meados da primavera e início do verão. Este ano, o frio e as chuvas estão durando mais que o previsto e isso tem atrapalhado muito a produção agrícola. Obviamente é possível encontrar no supermercado de tudo, em qualquer estação, mas isso não garante o consumo de uma fruta ou verdura fresca. Geralmente o que vem de fora do continente europeu amadurece nos porões dos navios e não é nada saudável ir contra a natureza e consumir morangos em pleno inverno. Para entender melhor o que cada estação produz, eu imprimi uma mandala das estações feita pelo Slow Food e colei na parede da cozinha da minha casa.

Continue Reading
8 comments

A fascinante Villa Maser, obra-prima de Palladio no Vêneto

Uma das atrações mais fascinantes do Vêneto são as vilas realizadas pelo arquiteto Andrea Palladio, considerado uma das personalidades mais importantes da arquitetura ocidental. Na época renascentista, Palladio projetou inúmeras obras como prédios públicos, templos, igrejas e as famosas vilas na República de Veneza. Muitos exemplos da arquitetura palladiana estão espalhadas pela região do Vêneto e, em 1996, suas vilas foram declaradas patrimônio mundial pela UNESCO junto de Vicenza, cidade onde se formou e viveu nos anos 1500.

Continue Reading
4 comments

Mercado de Rialto, em Veneza

Veneza é considerada uma das cidades mais românticas do mundo. Quem nunca sonhou em passear de gôndola com a pessoa amada pelos canais da cidade? Ou se perder nas calles que mais parecem um labirinto? A primeiro impacto todo mundo fica boquiaberto com as belezas, com a arquitetura e com a forma inusitada da cidade e uma coisa é certa, é difícil se orientar com tanta coisa linda pra ver e conhecer.

Continue Reading
12 comments

Dica de hotel em Milão

Muita gente me pede dicas de hospedagem em Milão. Na verdade, conheço pouco a cidade e fico sempre na dúvida qual é a melhor zona onde ficar.  Em geral, evito a estação central de trens e é uma coisa que faço em quase todas as cidades onde vou. O território da estação pode ser prático, mas à noite é muito decadente, escuro e inseguro. Encontrei o Eco Hotel La Residenza e ao ler os comentários me chamou atenção o fato do hotel fazer parte dos hotéis ecológicos certificados pelo selo ambiental Ecoworldhotel, um grupo italiano que reúne estruturas receptivas a baixo impacto ambiental.

Continue Reading
4 comments