10 motivos para visitar o Vêneto

Localizado no nordeste da Itália, o Vêneto é a região mais visitada do país. Em 2012, 62 milhões de turistas passaram por suas 7 províncias. Inegável o fascínio que a mais famosa delas, Veneza, exerce em qualquer pessoa. Mas o Vêneto vai além, com outras atrações incríveis. Mar, montanha, campo, lagos, cidades históricas, e muitas delícias enogastronômicas estão no cardápio farto que essa região oferece. Eis então 10 motivos para visitar o Vêneto.

 

1 – Fazer um passeio de gôndola em Veneza por seus canais românticos e sua paisagem única ao mundo

Para alguns pode parecer um clichê. Fato é que andar de gôndola em Veneza é uma experiência inesquecível de verdade. Romântico para quem é de romantismo e desbravadora para quem é curioso. As gôndolas passam pelos canais estreitos e escondidos que são navegáveis só por embarcações pequenas. É caro? É. Mas já que não é todo dia que a gente passeia de gôndola por Veneza, é um esforço que vale a pena. Saiba mais sobre passeios de gôndola aqui.

gôndolas de veneza

 

2 – Assistir a uma ópera na sugestiva Arena de Verona

A Arena foi construída provavelmente no século I d.C, no período romano e hoje é considerado o anfiteatro mais bem conservado do mundo. Um cenário por onde passaram grandes nomes da música clássica e os maiores artistas de todos os tempos. Saiba mais sobre Verona e a Arena, aqui.

Verona em um dia as 10 melhores atrações

 

3 – Visitar as fantásticas vilas projetadas pelo genial arquiteto Andrea Palladio

Uma das atrações mais fascinantes do Vêneto são as vilas realizadas pelo arquiteto Andrea Palladio, considerado uma das personalidades mais importantes da arquitetura ocidental. Na época renascentista, Palladio projetou inúmeras obras como prédios públicos, templos, igrejas e as famosas vilas na República de Veneza. Saiba mais sobre as vilas de Palladio aqui.

villa veneta

 

4 – Respirar o ar puro das montanhas e comer um apetitoso queijo das malgas, em uma das cidades das Dolomitas

Esta cadeia montanhosa que se estende pelo território do norte da Itália, mas principalmente na província de Belluno é considerada uma das zonas de montanha mais belas de todo o mundo. As rochas formadas por fenômenos naturais, em contraste com a luz e a vegetação ganham um colorido rosa que em alguns dias pode ser visto com maior intensidade.

san candido dolomitas itália

 

5 – Experimentar a grappa, o destilado italiano, em Bassano del Grappa, na Ponte dos Alpinos, seu mais belo cartão postal

Bassano del Grappa é uma das cidades mais graciosas do Vêneto. Além da proximidade com o Montegrappa, a cidade tem uma enorme tradição na produção de grappa, o destilado proveniente do bagaço da uva. Saiba mais sobre Bassano aqui.

ponte dos alpinos bassano

 

6 – Degustar um prosecco nas magníficas colinas de Valdobbiadene e região

As colinas do prosecco ficam na província de Treviso e próximo a Veneza. O vinho símbolo de festa e descontração que virou moda nos últimos anos, aqui já é apreciado desde tempos remotos pelos camponeses que o cultivam na cidade de Valdobbiadene e região. Saiba mais sobre as colinas do prosecco aqui.

degustação nas colinas do prosecco

 

7 – Degustar um cicchetto (tira-gosto em veneziano) em uma das inúmeras osterias de Veneza, acompanhado de uma taça de vinho

Uma das maneiras mais gostosas de conhecer a Veneza dos venezianos é fazendo um passeio pelas inúmeras osterias  da cidade. Mais conhecidos como bacaro, estes estabelecimentos vendem tira-gostos e pratos simples da culinária veneziana a preços muito honestos e com muito sabor. Conheça alguns deles aqui.

cichetto

 

8 – Admirar a Praça San Marco e seu campanário ao som das orquestras de seus cafés históricos

A sala de estar mais bonita do mundo é o cartão postal mais famoso da cidade. Praça São Marcos é para ser admirada com calma. Preferivelmente nas primeiras horas da manhã ou durante a noite quando a confusão dos turistas se acalma e a praça fica ainda mais sugestiva. Saiba o que ver na Praça São Marcos aqui.

5 curiosidades sobre a praça são marcos (3)

 

9 – Visitar uma das inúmeras vinícolas do território, já que o Vêneto é também o maior produtor de vinho da Itália

Além das colinas do prosecco, o Vêneto é o território de produção de muitos outros vinhos famosos como o Amarone, Valpolicella, Soave entre outros. Visitar uma vinícola é uma boa oportunidade para conhecer melhor os processos de produção e beber direto da fonte.

vinícola no vêneto itália

 

10 – Ser tocada pela fé dos peregrinos que visitam todos os dias a Basílica de Santo Antônio de Pádua

Padova é conhecida como a cidade do santo. A Basílica de Santo Antônio recebe inúmeros peregrinos durante todo ano. Impossível não ser tocado pela fé e pela beleza da construção. Além disso, a cidade tem um centro histórico repleto de atrações e um jardim botânico que é Patrimônio UNESCO da Humanidade. Saiba mais sobre Padova, neste post.

passeio por padova

Certamente deixei muita coisa de fora porque é impossível resumir belezas e sintetizar maravilhas. E você, o que mais gostaria de conhecer do Vêneto?

17 comments
Previous Post
Next Post